Comunicação e Multimeios

slider

A Universidade acaba de lançar mais uma ferramenta digital para interagir com alunos,...
/assessoria-de-comunicacao-institucional/noticias/puc-sp-lanca-aplicativo-para-celular
http://www.pucsp.br/sites/default/files/sites/default/files/noticia/slide/carrossel-noticia-novo-app-pucsp_0.jpg
Fique por dentro do que acontece na Universidade. Acompanhe o jornal PUC-SP em Notícias.
/assessoria-de-comunicacao-institucional/noticias/puc-sp-em-noticias
http://www.pucsp.br/sites/default/files/sites/default/files/noticia/slide/9-4_puc_em_noticias_1.jpg
Sabia que a PUC-SP oferece diversas parcerias e intercâmbios internacionais? Fique de...
/assessoria-de-comunicacao-institucional/noticias/puc-sp-oferece-oportunidades-internacionais
http://www.pucsp.br/sites/default/files/sites/default/files/noticia/slide/internacionalizacao-2014-04-10-620x318_vs2.jpg
Apresentação 

Pioneiro na América Latina, implantado na PUC-SP, em 2000, o Curso de Comunicação e Multimeios se constitui como referência para o posterior surgimento de graduações similares, em instituições públicas e privadas; há um reconhecido mérito do curso, cuja iniciativa se deve, sobretudo, à consolidada e reconhecida experiência dos estudos e parcerias internacionais do programa de pós-graduação em Comunicação e Semiótica da PUC-SP. Assim, a graduação em Comunicação e Multimeios sai à frente numa  resposta à  imperiosa necessidade de estudar a Comunicação das novas mídias, que funcionam a partir das redes telemáticas, redefinindo o território comunicacional, em que qualquer um pode produzir informação.

A formação do profissional de comunicação multimidiática se realiza num projeto de graduação muito diferenciado pela premência em acompanhar as contínuas inovações das tecnologias do ciberespaço. A graduação estrutura as etapas dos programas, atividades disciplinares e acadêmicas, articuladas  numa organização curricular de disciplinas fixas e flexíveis. As fixas versam sobre a cultura da imagem e das mídias. As disciplinas flexíveis, a partir do 3º semestre, permitem uma atualização contínua das recentes experiências das tecnologias multimidiáticas, em propostas oferecidas por professores da graduação, da pós-graduação e profissionais de mercado.

O curso de Comunicação e Multimeios estuda a imagem em seu potencial midiático, em circulação nas várias plataformas, em que a proximidade entre arte, fotografia, audiovisual, áudio, design gráfico e texto, resulta num estruturado produto de caráter hipermidiático, em que as áreas se reforçam mutuamente. A busca pela proximidade e interrelação entre áreas de afinidades, na resolução de produtos e serviços comunicacionais, são próprias do pensamento hipermidiático que constitui o diferencial da graduação em Comunicação e Multimeios, na relação com os demais cursos da mesma área.

O audiovisual adquire grande relevância, pois se apresenta como um suporte-linguagem de indispensável visibilidade nas mediações, em sua atual pluralidade de formatos e suportes, atuando nas diversas áreas do conhecimento e da arte, seja em criação, implementação e sustentação de projetos, para diferentes finalidades. A proposta do curso de Comunicação e Multimeios se realiza no encontro das teorias e experiências das trajetórias culturais das áreas citadas acima, visando oferecer propostas que atendam à diversidade das demandas, em projetos estrategicamente ajustados, numa linguagem híbrida e precisa, tendo em vista o modo como acontecem os processos midiáticos.

O dinâmico conjunto de tecnologias das mídias exige um profissional que entenda e transite por processos verificados na diversidade de plataformas, em visibilidades e acessos simultâneos, como os blogs, os podcasts, os wikis, os fóruns de discussão, os softwares sociais e os demais que são disponibilizados pelas ágeis conquistas do setor.

Sabe-se que, numa sociedade em redes, os negócios são estudados do ponto de vista da cultura do consumo. Assim, o planejamento desta diversidade midiática precisará acompanhar e gerir a grande interferência da força, da agilidade, da expansão das redes sociais, num ambiente de cultura das redes e da remixagem.

O planejamento em mídias digitais requer profissionais que sejam competentes nos meios tradicionais de comunicação de massa e que saibam integrar as redes sociais, offline e online.  O profissional precisa estar focado no que produz, com prospecção de possíveis efeitos e desdobramentos, tendo em vista um cenário de respostas imediatas dos mercados, que se dão em tempo real, na diversidade das plataformas, sobretudo, nas mídias portáteis, nos celulares, cuja frequência de acesso é quase ininterrupta.

 

Acesse o Hotsite Multimeios Beta e conheça um pouco mais sobre o curso pela perspectiva dos alunos.

Formas de Ingresso 
  • Processo seletivo por meio de exame vestibular aberto a candidatos que tenham concluído o ensino médio ou equivalente;
  • Processo seletivo específico para portadores de diploma de graduação, sob condição de existência de vagas abertas pela Faculdade, obedecendo ao calendário da Universidade;
  • Matrícula por transferência sob a condição de existência de vaga, obedecendo ao calendário da Universidade ;
  • Prouni, obedecendo ao calendário da Universidade;
  • Reopção de curso, aberta pela Faculdade, obedecendo ao calendário da Universidade.
Gestão 

As Faculdades são compostas por: Departamentos, Cursos de Graduação, Programas de  Pós-Graduação stricto sensu e lato sensu, Cursos e Atividades de Educação Continuada, Unidades Suplementares e Núcleos Extensionistas.

Compete à Câmara de Graduação:
I - desenvolver estudos que subsidiem o CEPE na elaboração ou alteração da política educacional da PUC-SP, a ser submetidos à apreciação e aprovação do CONSUN e CONSAD;
II - desenvolver estudos, no âmbito do ensino, de forma articulada com a Câmara de Pós-Graduação e Pesquisa, que subsidiem a elaboração dos Projetos Institucionais da PUC-SP, a ser submetidos à apreciação e aprovação do CEPE;
III - propor ao CEPE plano de implementação da política educacional e do desenvolvimento do ensino nas Faculdades, definindo as prioridades;
IV - propor ao CEPE as normas e as orientações técnicas para elaboração e tramitação de programas e projetos de ensino das Faculdades;
V - dar parecer sobre Projetos Pedagógicos de Cursos e propostas de alterações a serem submetidos à aprovação do CEPE;
VI - apreciar os relatórios das avaliações institucionais e de cursos;
VII - promover a auto-avaliação dos Cursos de Graduação das Faculdades, encaminhando ao CEPE relatórios;
VIII - promover estudos das demandas socio-ocupacionais e das transformações na esfera do conhecimento, orientando as Faculdades para a proposição de mudanças curriculares, ou de novas modalidades de Graduação;
IX - subsidiar e supervisionar o desenvolvimento dos Projetos Pedagógicos dos Cursos, zelando pela observância dos mesmos;
X - acompanhar a implementação de novos Projetos Pedagógicos de Cursos;
XI - subsidiar o CEPE nas políticas de extensão referentes à Graduação;
XII - emitir pareceres de mérito sobre projetos de extensão ligados à Graduação;
XIII - exercer outras atribuições previstas em normas ou decididas pelos Colegiados competentes e inerentes à natureza do órgão.

Professores 
Prof Dr Alexandre Braga
Profa Dra Ane Elisa Machado Cysne
Prof Ms. Bruno Mendonça
Prof Carlos Eduardo Siqueira
Prof Dr Cauê Alves
Prof Ms.Claudir Segura
Prof Ms. Christian Pelegrini
Profa Ms. Dalva Garcia
Prof Dr. Douglas Canjani de Araújo
Prof Dr Edson Passetti
Prof Dra Elisabete Alfeld Rodrigues
Prof Ms. Eliseu Lopes
Profa Dra Flamínia Manzano M Lodovici
Prof Ms. Francisco Camelo
Prof Dr Hermes Renato Hildebrand
Prof Ms. Ivan Ordonha
Prof Dra Jane de Almeida
Prof Dr Jonnefer Francisco Barbosa
Prof Ms. Jozimas Geraldo Lucas
Profa Dra Laís Guaraldo
Prof Ms. Marcelo Prioste
Prof Dr Marcus Bastos
Prof Ms. Mário Madureira
Prof Dra Marlyvan Moraes de Alencar
Profa Dra Marta Bogéa
Prof Dr Milton Pelegrini
Prof Dr Nelson Brissac
Prof Ms. Rodrigo Priolli de Oliveira Filho
Profa Dra Pollyana Ferrari
Prof Ms. Patrícia Huelsen
Profa Dra Sonia Regis Barreto
Profa Ms. Regiane Caire
Prof Ms. Urbano Nobre Nojosa
Profa Dra Vanda Maria da Silva Elias
Profa Dra Verônica Ferreira Dias
Profa Dra Zuleica Camargo
Laboratórios 
O curso conta com uma estrutura de laboratórios de informática administrada pela Divisão de Tecnologia da Informação (DTI) da PUC-SP. Com um total de 31 laboratórios de informática, divididos entre os campi Marques de Paranaguá (8), Monte Alegre (19) , Santana (2), Barueri (1) e Sorocaba (1), todos conectados em rede à uma velocidade de 100Mps.

Esses mais de 1000 computadores integram os cerca de 2300 computadores da grande rede PUCSPNet, totalmente conectada à Internet, onde utilizamos um link principal de acesso com velocidade de 1Gbps.

Contamos ainda com uma política de licenciamento de software através de programas educacionais e parcerias com empresas como IBM (IBM Rational), Microsoft (MSDN Academic Alliance), CorelDraw, Adobe (Flash, Dreamweaver, InDesign, Photoshop, Director),  além de softwares específicos como Vue, Cinema 4D, SPSS, SolidWorks, entre outros.
Avaliação do aluno 

O modelo de avaliação do aluno segue as regras da Instituição, com exceção das atividades complementares e do TCC, que têm regras próprias.

Para a avaliação das disciplinas regulares, o aluno deve receber, ao final do semestre, em cada disciplina, uma média, advinda dos trabalhos propostos, da participação em aula e de atividades diversificadas construindo uma média que deverá se combinar à indispensável avaliação individual, na composição da média final, cujo valor vai de 0,0 a 10,0 (zero a dez), podendo ser aplicados números quebrados. O aluno é considerado aprovado se atingir no mínimo nota 5,0 (cinco e tiver freqüentado 75% das aulas ministradas. A exceção é feita na disciplina TCC (I e II), em que o aluno só poderá ser aprovado se obtiver a média mínima 7,0 (sete) e tiver cumprido todas as etapas das disciplinas previstas nas normas do TCC I, que necessitam da aprovação em Metodologia de pesquisa e/ou Projeto TCC II que necessita de aprovação em TCC I.

TCC 

O Trabalho de Conclusão de Curso é uma atividade curricular obrigatória e uma das exigências do MEC para que o aluno obtenha o grau de Bacharel em Comunicação e Multimeios e consiste na sistematização de habilidades e conhecimentos teórico-práticos adquiridos durante o curso. A sua realização compreende três momentos: a formulação de um projeto, sua execução e apresentação. O tema de investigação a ser desenvolvido – quer contemple a elaboração de um projeto de caráter dissertativo (monografia) quer contemple a concepção e a produção de produtos e/ou protótipos de produtos em Multimeios – deve obrigatoriamente estar relacionado com a Comunicação e suas interfaces de modo a considerar a apropriação da tecnologia não dissociada de uma atuação crítica e reflexiva.

O Trabalho de Conclusão de Curso caracteriza-se como disciplina alocada no sétimo período denominada Trabalho de Conclusão de Curso I, com carga horária de 3 créditos e Trabalho de Conclusão de Curso II, alocada no oitavo período, com igual carga horária. As referidas disciplinas integram a carga horária total de duração do curso.
A realização do Trabalho de Conclusão de Curso, já planejado em disciplinas como “Metodologia do Projeto” e “Metodologia de Pesquisa” oferecidas no 5º e 6º períodos, prepara o aluno para a elaboração do projeto no 7º período, em todas as suas etapas, numa observância aos procedimentos apresentados em bibliografia indicada para a pesquisa e ou produção no campo da comunicação. O aluno conta com a orientação metodológica do professor-orientador responsável pela disciplina. A formulação do projeto em todos os itens de sua proposta será desenvolvida na disciplina Trabalho de Conclusão de Curso I.

 A execução do projeto na disciplina,  “Trabalho de Conclusão de Curso II”, no 8º período,  poderá ser uma monografia e/ou um produto midiáticos se desenvolvem sob a orientação metodológica do professor-orientador responsável pela disciplina, até sua finalização e apresentação oral, para uma banca composta de três professores, incluindo o orientador. Essa apresentação e sua aprovação finalizam e avaliam a graduação.  

    As disciplinas “Trabalho de Conclusão de Curso I e II” pertencem respectivamente aos seguintes departamentos: Arte, Jornalismo e Lingüística. Devido ao seu caráter diferenciado das demais disciplinas do curso, cada turma será composta por até 12 alunos. A atribuição pelos departamentos aos professores-orientadores deverá ter como critério a comprovação da pesquisa e da publicação na área da comunicação e suas interfaces.

 

Atividades de formação 

A área extensiva, neste projeto, corresponde ao que se chama genericamente de Atividades Complementares. É ela a responsável pela maior conexão do aluno com os vários níveis de extensão da Universidade, uma vez que promove integração social, oportunidades para a aplicação da ética e do humanismo através de ações cotidianas do curso, além de fortalecimento das relações com o trabalho que o aluno precisa. Concerne a tudo o que é mais maleável e transformável, portanto passível de atualização. Por meio dessa área, o curso se conecta com a sociedade e se desenvolve, se atualiza na extensão, pesquisa e atividade laboratorial.

Realizadas por iniciativa do aluno, as atividades complementares representam um diferencial em sua formação, auxiliando-o a perceber atuações possíveis, em relação às áreas de desempenho profissional. Compõem esse grupo as atividades em pesquisa, monitoria, participação em eventos do calendário de área, projetos de extensão, projetos integrados, produção laboratorial extra – PUC. Cursos de curta duração realizados por indicação da coordenação em outras Unidades da PUC ou de outras Universidades, cursos de línguas estrangeiras da universidade (que instrumentalizam o aluno para a pesquisa acadêmica), seminários; participação na Semana de Multimeios nas várias modalidades e atividades; colaboração no site do Curso; produção laboratorial em Rádio, TV-PUC e Rede - PUC; montagem de exposição de formandos; Recepção de Calouros, etc.

As Atividades Complementares podem ser calculadas com base no banco de dados disponibilizado aos alunos, e validadas mediante a entrega de certificados ou relatórios que comprovem a realização da atividade, o que compreende:

Especificidades das Atividades Programadas:

Atividades Complementares
Atividades ProgramadasRequisitosMáximo de Horas
Integralizáveis

Organização de eventos junto à Instituição e outros: Semana de Multimeios, Semana
Acadêmica, Exposição de Formandos, Recepção de Calouros e outros (sob julgamento da coordenação e comissão pedagógica).

Certificado e Relatório

100

Disciplinas optativas ou regulares de outras
unidades da PUC-SP, incluindo línguas
estrangeiras ou outras universidades.
Aprovação na Disciplina150
Participação de relevância em atividades
pedagógicas e/ou de pesquisa, indicadas por
orientadores e coordenadores.
Relatório com Análise Crítica20
Participação de relevância em atividades
culturais relacionadas à área do curso.
Certificado ou Comprovante
compatível e Relatório
48
Desenvolvimento de atividades laboratoriais
junto a REDE PUC, TV PUC, RÁDIO PUC, e Site do Curso, bem como estágio relacionado à área do
curso.
Relatório escrito pelo estudante e
assinado pelo coordenador do veículo
(cada 4 horas de trabalho correspondem
a 1 hora integralizável).
170
Publicação de trabalho em periódicos científicos
de relevância para a área do curso
Apresentação da publicação75
Representação discente.Apresentação de documento comprobatório e presença nas reuniões50
Participação em Congressos, seminários, conferências e palestrasCertificado de presença e relatório60
Iniciação CientíficaApresentação de Relatório Final de IC150
Prêmio recebido por trabalho realizado no curso, sob coordenação ou orientação de professor, incluindo IC. Destaque em concursos internos ou externos, nas áreas contempladas pelo curso
Internacional - Primeiro Lugar84
Internacional - Segundo Lugar60
Internacional - Terceiro Lugar ou Menção Honrosa30
Nacional - Primeiro Lugar75
Nacional - Segundo Lugar54
Nacional - Terceiro Lugar ou Menção Honrosa27
MonitoriaRelatório do Professor Orientador e documentação requerida no edital100
Participação em Grupo de EstudosDefinidos no julgamento da propriedade da atividade150
Outras atividades a juízo do coordenador do curso em acordo com a comissão pedagógica (O aluno pode entrar com requerimento junto à coordenação).Definidos no julgamento da propriedade da atividadeN

 

* Além de outras atividades a juízo do coordenador do curso em acordo com a comissão pedagógica (O aluno poderá entrar com requerimento junto à coordenação). O cálculo de hora por atividade e máximo de horas integralizáveis é feito a partir da análise da atividade e seu vínculo com as bases curriculares do curso.

Estágio curricular 

O estágio curricular proposto para a graduação em Comunicação e Multimeios pode ocorrer numa diversidade extensa de empresas e setores. Trata-se de uma habilitação, cuja demanda é crescente e já configurada, mas, em dimensão profissional é pouco divulgada e desconhecida dos setores do trabalho e serviços. Essa fase da graduação propiciou uma postura de aconselhamento do estágio, tornando-o não obrigatório.

Contudo, a Coordenação do curso, junto à Comissão didático/pedagógica possui um acompanhamento em que se verifica que os alunos realizam normalmente estágios na pluralidade das atuações em empresas através do setor de Estágios da Instituição, Coordenadoria Geral de Estágios. Acontece com frequência ofertas em espaços da videoteca, elaboração de sites, gerenciamento da informatização dos setores da PUC, da rede PUC com seus suportes midiáticos, em que os alunos cumprem estágios.

Matriz e Componentes 
Mensalidades 

A Universidade adota o Regime Financeiro semestral ou anual de cobrança, de acordo com o Projeto Pedagógico do curso, sendo a semestralidade ou anuidade paga em até 06 (seis) ou em até 12 (doze) parcelas mensais sucessivas, conforme o caso.
 
O cálculo das mensalidades é feito com base em todas as atividades (disciplinas e outros componentes curriculares) relativas a cada período letivo do curso, de acordo com seu Projeto Pedagógico.

Valor da mensalidade

O Edital de Mensalidades é publicado nos quadros de aviso da Universidade e na página oficial eletrônica especifica os valores calculados para cada curso, com base nas atividades pedagógicas previstas.

Aproveitamento de Estudos
O estudante que ingressar através do processo de Transferência ou pelo processo de Portador de Diploma e tiver aproveitamento de estudos e/ou adaptação curricular, realizará a matricula nas atividades pedagógicas de acordo com o plano de estudos elaborado pela coordenação do curso.

Reajustes de mensalidades
Os valores das mensalidades estão sujeitos aos reajustes conforme Contrato de Prestação de Serviços Educacionais.

Data do vencimento
A data de vencimento de cada mensalidade ocorrerá sempre no dia 5 (cinco) de cada mês.

Pagamento
Os pagamentos efetuados até o dia 1º do mês serão - por mera liberalidade - objetos de um desconto por antecipação, conforme discriminado no boleto. Este desconto pode ser suspenso sem prévio aviso.

Reconhecimento 

Reconhecimento: Portaria MEC nº 3.691- 12/11/2004 – D.O.U. em 16/11/2004, pág. 52
Renovação do Reconhecimento: MEC 379776  - CÓD AVALIAÇÃO: 93372

 

Duração 

Duração (tempo de integralização da carga horária): 08 semestres
Duração máxima: 12semestres

 

Avaliação do curso 
Sistema de Avaliação do PPC:

A autoavaliação do curso tem como propósito o aprimoramento de seu Projeto Pedagógico (PPC).

Trata-se de um processo contínuo que, por meio de diferentes fontes de informação, analisa a coerência e a efetividade entre princípios da proposta pedagógica e sua dinâmica de funcionamento.

Sua realização está a cargo do Núcleo Docente Estruturante (NDE), da Coordenação Didática do Curso, do Conselho de Faculdade e da Câmara de Graduação.

Por meio da autoavaliação, esses colegiados monitoram a implantação do PPC dialogando com as demandas advindas do cotidiano e com as informações construídas por meio de escutas periódicas. Para tanto são utilizados instrumentos específicos:

a) avaliação contínua do aluno;

b) avaliação das condições de ensino (infraestrutura, equipamentos e gestão acadêmico-administrativa);

c) avaliação dos aspectos didático-pedagógicos do corpo docente, realizada por meio da autoavaliação do professor e da docência pelo aluno.

Envolve também diferentes parcerias da universidade que, direta ou indiretamente, contribuem para a qualidade da formação dos alunos, especialmente os departamentos.

Esse processo articula-se internamente à Autoavaliação Institucional, coordenada pela Comissão Própria de Avaliação (CPA), situando o curso no contexto da Universidade e, externamente, com o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (SINAES). Essa articulação externa leva em conta os resultados do Enade, as Avaliações in loco e os indicadores de qualidade do MEC, como o Conceito Preliminar de Curso (CPC).
Competência e habilidades 

O curso de Comunicação e Multimeios visa oferecer condições para que o aluno desenvolva as competências vinculadas à área de Comunicação, em se tratando de aspectos gerais, bem como de aspectos específicos da Comunicação Multimidiática, conforme apresentado nos itens a seguir.

  • assimilar criticamente conceitos que permitam a apreensão de teorias;
  • posicionar-se de modo ético-político;
  • Conhecer as linguagens habitualmente usadas nos processos de comunicação, nas dimensões interpretativas e criativas;
  • ter competência no uso da língua nacional para escrita e compreensão de textos gerais e especializados na área.
  • Conhecer a trajetória das  conquistas tecnológicas midiáticas que funcionem como  referência para propostas da área das Ciências da Comunicação, na contemporaneidade;
  • Diagnosticar problemas cuja resolução demande a produção de projetos de
  • comunicação multimidiáticae propor soluções integradas e criativas dos referidos projetos;
  • planejar a produção e implantação, sozinho ou em conjunto com outros
  • profissionais, de peças, objetos ou sistemas de comunicação multimidiática, integrando várias  linguagens;
  • analisar a reconfiguração do mercado das tecnologias midiáticas em que a comunicação massiva convive com diversificadas segmentações e usabilidades e incorporar a participação dos usuários no redesenho dos produtos, em operações de uma cultura da remixagem;
  • conduzir, com autonomia, a capacidade de atualizar-se continuamente, com relação à competência tecnológica de produção de linguagem, para prospecção de produtos midiáticos.
  • auto-administrar um trabalho autônomo, prestador de serviços na área de comunicação;
  • produzir conhecimentos por meio de métodos de investigação científica, que sinalizem a entrada na pesquisa, ao longo da graduação.  
Áreas de atuação 

Trajetória do profissional de Comunicação e Multimeios
Percorre na graduação, estudos das teorias e dos fundamentos culturais da comunicação em tecnologias que antecederam o digital, para inserí-las no fluxo contínuo dos atuais estudos da imagem, da arte, do design gráfico  e do audiovisual na expansão e diversidade de formatos. Estas experimentações se valem de programas e recursos das tecnologias digitais, cujas produções, em laboratórios, caracterizam a formação de profissionais hábeis em processos de criação pós-midiáticos que se fazem presentes nas redes, nos dispositivos móveis e em aplicativos, nas atuais ambientações tecnológicas da cultura do ciberespaço.

O mercado de trabalho, em sua reconfiguração contínua, já se deu conta da necessidade de um profissional que atue em projetos criativos e em empreendimentos culturais da área da comunicação e que seja capaz de lidar com a velocidade do mundo das redes, a crescente diversidade de suportes, a agilidade de efeitos e desdobramentos das mídias sociais.

MERCADO DE TRABALHO DO PROFISSIONAL de MULTIMEIOS atua individualmente ou em equipe, em:

  • instituições, organizações e empresas de comunicação, tais como: portais de internet; estúdios de design, agências de publicidade; editorias de arte de jornais e revistas; assessorias de comunicação; produtoras de vídeo, áudio, animação, cinema, computação gráfica, webdesign  e games.  
  • produtos audiovisuais, como documentários e curtas-metragens,  em experiências que recriam com animação, instalações,cenas poéticas, ensaios fotográficos, para suportes de  visualização, em diferentes formatos e tamanhos.
  • vídeo digital, sampleamento, mashup, LiveCinema, Future Cinema, hipercinematividade, cinema interativo entre outros e produtos de experimentações tecnológicas com diversos dispositivos móveis e multiscreen.
  • roteiros e realizações de transmidiações, em que uma narrativa transita entre vários suportes.
  • projetos que utilizem os ambientes e personagens de games, como possibilidades narrativas, para diversas finalidades.
  • produção de ficção seriada,em proximidade com outros gêneros contemporâneos no contexto industrial da televisão.
  • projetos de curadoria para produtos da cultura da visualização, na área de artes, em novas mídias, seja em galerias, seja em espaços públicos.


GESTOR DO PRÓPRIO NEGÓCIO
Leitor atento ao Mercado do empreendedorismo Cultural e Criativo, ao desenvolvimento dos Planos e Negócios Digitais, o profissional de COMUNICAÇÃO e MULTIMEIOS está apto a gerir o próprio negócio, pelo conhecimento e experiência em conectar a diversidade das tecnologias da imagem, em interação com a arte/mídia, o áudio, o audiovisual, a animação, os games, o design gráfico. Pode oferecer serviços e produtos em vários formatos, direcionados às diversas plataformas midiáticas.

Vagas turnos e campi 

Campus Perdizes:
100 vagas / vespertino

Histórico 

O curso “Comunicação em Multimeios”, com proposta pioneira, na América Latina, implantada em 2000, teve sua origem em ambiente de consolidada experiência na área da Comunicação, seja na graduação, como na pós-graduação, da PUC/SP. A proposta contou ainda, com pesquisa e eventos, sondagens em empresas e convites a especialistas de Universidades americanas, alemãs e outras, que possuem curso superior de Mídias. Constituiu-se em referência para cursos de graduação em multimeios, oferecidos posteriormente, em Universidades públicas e particulares. Ao longo de quase 10 anos de experiência, colhe resultados com profissionais que se destacam, como: Prêmio Phillips (1º lugar na América Latina – Desenho Digital); Fest Net – Festival Universitário (1º lugar Regional na Categoria Documentário-2001); Festival do Minuto (1º lugar – Categoria Minuto PUC-2002); 2º Festival de Cyne e y Vídeo Latino-americano – Argentina- Melhor Vídeo experimental; também participante do 9º Manchester Internacional Short Film Festival - Kinofilm 2005 - Inglaterra; Festival de Cinema e Vídeo de Gramado – Melhor vídeo e Melhor Documentário (2005).   
 

Objetivos 

O Curso de Comunicação e Multimeios propõe formar competências profissionais, numa visão atualizada da comunicação, cujas expansões, convergências e mudanças contínuas se reconfiguram coma agilidade das tecnologias midiáticas, levando em conta a colaboração de produtores amadores, usuários, internautas nos processos culturais de uma sociedade das redes.

Específicos

O Curso de Comunicação e Multimeios visa a

  • Resgatar a cultura da imagem, da arte, da fotografia, do design gráfico,  do audiovisual, do sonoro, da TV e do vídeo, em estudos do percurso histórico dos meios de comunicação, para que as produções atuais estejam subsidiadas pelas conquistas e ambientes tecnológicos,na compreensão dos processos midiáticos.
     
  • Fornecer referências teóricas e promover atividades de criação,produzindo narrativas audiovisuais na variedade de formatos, tais como: vídeo digital, cinema expandido, cinema interativo, Future Cinema, Sampleamentos, Live Cinema, curtas, documentários e outros, dentre as edições possibilitadas pelos recursos tecnológicos midiáticos.
     
  • Construir habilidades em produções dos novos formatos audiovisuais, que explorem as possibilidades representativas e entrem num circuito de difusão popularizado pela internet, pelas câmeras, mídias portáteis e telefones celulares, atendendo à demanda de produtos e prestação de serviços, em geral.
     
  • Fornecer conceitos e exercitar a habilidade em Cross-Mídia, ou seja, a passagem de um produto criado para mídia  impressa, que circule também em mídia digital,  tais como: identidade visual, projetos editoriais gráficos e outros, adequando  o gerenciamento visual para diferentes plataformas como tablets, smartphones e outras.
     
  • Conceituar e propor projetos gráfico/visuais em que se combine uma pluralidade de referências:a observação direta, obras de arte,ensaios fotográficos, paisagens urbanas, num remix de reinvenção e crítica para mídias e suportes variados. Avaliar as diferentes fases e procedimentos que compõem os processos criativos, nas mídias digitais.
     
  • Desenvolver capacidades profissionais na elaboração de propostas de comunicação, através das mídias sociais, numa sociedade que vivencia novas formas da experiência cidadã atrelada à urbanidade, à cidadania, que inclui as chamadas novas urbanias.
     
  • Apresentar os conceitos fundamentais de macrotendências e empreendedorismo, capacitar diagnósticos de oportunidades nos mais variados segmentos, como tecnologia, design, novos modelos de produção e consumo. Capacitar a gestão de um trabalho autônomo, o próprio negócio, em prestação de serviços para diversos setores
Grau 
Bacharelado
Regime de matrícula 
Semestre
Campus 
Perdizes
Modalidade 
Presencial
Coordenação 
Contato 

e-mail:comfil@pucsp.br
Telefone: (11) 3670-8125   
 

Formulários e Documentos 
Situação 
Matrículas encerradas

Conecte-se a PUC-SP