Pagina Inicial Contato Sites da PUC

Você sabe o que é refluxo?

Ana Carolina Ghirardi, Camila Miranda Loiola, Marta Assumpção de Andrada e Silva

 A cada três ou quatro horas, o estômago produz uma maior quantidade do ácido para auxiliar na digestão dos alimentos. O refluxo acontece quando esse líquido escapa do estômago e sobe pela parede do esôfago (o chamado refluxo gastroesofágico). Em determinadas circunstâncias, o refluxo pode chegar a banhar a região das pregas vocais (nome científico das cordas vocais), causando o refluxo laringofaríngeo. Quando isso ocorre, há uma irritação dessa região, e a pessoa pode ter sintomas como: azia, queimação, tosse, pigarro, sensação de "bolo" ou ardor na garganta e cansaço ao falar ou ao cantar.

O médico, gastroenterologista ou o otorrinolaringologista, é o responsável pelo diagnóstico da ocorrência do refluxo. Dessa forma, é muito importante que o tratamento seja seguido conforme o indicado. Algumas mudanças de hábitos também favorecem o tratamento e previnem a ocorrência dos episódios de refluxo: é muito importante não permanecer em jejum por períodos superiores a três ou quatro horas. Da mesma forma, mastigar bem os alimentos e comer devagar, assim como evitar ingerir mais de 200ml de líquidos durante a refeição são hábitos de grande auxílio. Bebidas muito quentes, as gasosas, e as que contêm cafeína, como café e chá preto, devem ser ingeridas em pequenas quantidades e de preferencia não próximos a situação de uso profissional da voz. Evite também a ingestão de alimentos ácidos (abacaxi, limonada, molho de tomate, entre outros), o excesso de condimentos e temperos (pimenta, alho, cebola, ketchup, mostarda, etc), e também de alimentos muito gordurosos, como frituras, e doces em excesso. Procure dar um intervalo de, no mínimo, uma hora entre o final da última refeição e o deitar-se.

O refluxo não é uma doença crônica! É normal que tenhamos uma vez ou outra um episódio de refluxo, mas se a sua ocorrência passa a ser frequente, pode e deve ser tratada com o acompanhamento médico, ingestão de medicamentos conforme orientado e reeducação alimentar. Normalmente, os sintomas vocais causados pela ocorrência do refluxo devem melhorar com o adequado tratamento da causa.


Apoio:
 

Compartilhe:


Pontifícia Universidade Católica de São Paulo Desing: DTI-NMD