Educação Continuada

Apresentação

Turismo religioso é quase uma expressão auto-explicativa. No entanto, é um conceito ainda em discussão entre antropólogos e sociólogos. Em parte, o dissenso advém do lugar onde se coloca o peso e o foco de origem na análise da expressão: no “turismo” ou no “religioso”. As demandas teóricas do universo do turismo e do universo da religião, são distintas e respondem a problemas também distintos. Turismo religioso enquanto turismo recebe o aporte de toda a bibliografia que construiu o fenômeno das viagens modernas como um campo de saber para o qual concorrem não apenas as ciências sociais mas também as administrativas. Por outro lado, o turismo religioso enquanto um fenômeno religioso, se insere nas diferentes tradições de pesquisa sobre esse aspecto da vida humana que se volta para as coisas sagradas e o transcendente.]

O turismo, enquanto campo de conhecimento é de constituição relativamente recente. No início, há coisa de três décadas, quase a totalidade do conhecimento sobre o turismo era oriundo das ciências econômicas cujos referenciais da Economia, da Administração e do Marketing forneciam as análises e caracterizações desse fenômeno. Hoje, reconhece-se que esse tipo de abordagem, importante e necessária, é insuficiente para a compreensão do trânsito de pessoas no mundo, dadas a sua diversidade de significados e sua riqueza semântica.

As Ciências Sociais, que até meados do século XX, não viam o turismo como algo digno de um esforço reflexivo, percebe a sua importância e suas implicações para as culturas e sociedades, emissivas ou receptivas, afetadas pelo trânsito humano originado no turismo de massas, diferenciando o turista do viajante. Particularmente os estudos sobre as peregrinações contribuíram para o entendimento do fenômeno turístico ao confrontá-lo com o pano de fundo dos rituais e dos processos de interação social. Em certa medida, peregrinação e turismo suscitam as mesmas questões quanto aos seus significados e, segundo alguns autores, quanto às suas motivações.


Objetivos

Apresentar a religião como motivadora para a movimentação de pessoas e como incremento para as atividades relacionadas ao turismo. Analisar os destinos turísticos de natureza religiosa: suas características, semelhanças e especificidades. Vivenciar mobilizações turísticas religiosas por meio de estudo de caso de peregrinações assistidas e discutidas em vídeos, filmes e documentários selecionados e de trabalho de campo junto a significativas manifestações religiosas na cidade de São Paulo.

Sobre o Curso

Cursos relacionados com inscrições abertas

Extensão, Curso Online
Especialização
Extensão, Curso Online
Menu
Educação
Continuada
J.PUC-SP
Sou PUC