Apresentação

No seu antológico ensaio sobre "A obra de arte na era da reprodutibilidade técnica", Walter Benjamin (1975) propôs a expansão das fronteiras estéticas a partir da reprodução técnica. As técnicas reprodutivas de linguagem eram, na época de Benjamin, a fotografia e o cinema. Depois da foto e do filme, mídias ainda mecânicas, vieram a televisão e o vídeo, mídias eletrônicas, e hoje estamos convivendo com as redes, os dispositivos móveis, o ciberespaço. Isso tudo está produzindo reviravoltas nas concepções tradicionais de estética. Justamente por ter em vista repensar as novas questões estéticas que o acelerado desenvolvimento das mídias do nosso tempo está colocando em pauta é que este curso de extensão foi projetado. Pretende-se, portanto, estudar o potencial que as mídias apresentam para a criação de efeitos estéticos, quer dizer, efeitos capazes de acionar a rede de percepções sensíveis do receptor, regenerando e tornando mais sutil seu poder de apreensão das qualidades daquilo que se apresenta aos sentidos. Nossas tradicionais noções estéticas foram drasticamente alteradas, reclamando por estudos e discussões que levem em conta o desenvolvimento histórico das mídias e seus meios de produção de linguagem, assim como as teorias e criações específicas a que elas deram origem.

A fotografia é tomada como ponto de partida porque as estéticas das mídias hoje se sincronizam. Mídias precedentes não desaparecem quando surgem novas mídias. Ao contrário, elas vão se somando, complementando-se, interconectando-se. Embora o foco de interesse do curso esteja voltado mais propriamente para as estéticas digitais, começamos com a fotografia e o cinema porque uma das características mais importantes das estéticas digitais está na sua absorção e hibridização das estéticas midiáticas anteriores, as quais, aliás, estão cada vez mais sendo absorvidas pelo universo digital. A foto digital, as web-cams, os vídeos povoam o espaço cíbrido no qual todas as estéticas midiáticas se confraternizam na constituição de um tecido intrincado e complexo.

O curso está estruturado em aulas teóricas e práticas. Assim, ao fim do curso, o aluno estará apto a discutir o conteúdo programático, e a planejar e executar projetos dentro da mídia que for de sua escolha. O propósito é levar o estudante e profissional das mídias a compreender as relações entre as mídias e a perceber as potencialidades de cada mídia para a criação estética. Para isso, o curso será ministrado por profissionais especializados nas diferentes mídias que o curso engloba.


Objetivos

Levar o estudante e profissional das mídias a compreender as relações entre as mídias e perceber as potencialidades de cada uma para a criação estética. 

Sobre o Curso
  • Categoria: Extensão
  • Público-alvo:

    Estudantes e profissionais de uma diversidade de áreas, principalmente todas as áreas das comunicações, do design, da publicidade, das artes em geral, da arquitetura, da música e demais campos das humanidades. Também é de interesse dos profissionais ligados à computação, informação, educação, em suma, todos aqueles que desejam conhecer a evolução cultural propiciada pelas mídias a partir da invenção da fotografia. O público alvo, portanto, são os estudantes e profissionais em qualquer área do saber, interessados em atualizar seus conhecimentos em estéticas midiáticas.

  • Duração: 42 horas
  • Local: Campus Consolação - Unidade COGEAE
  • INSCREVA-SEna lista de interesse
Professor em Destaque

Profa. Dra. Maria Lucia Santaella Braga

Doutora em Teoria Literária (1973) pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), com pós-doutorado (1993) pela Indiana University, IU Bloomington, Estados Unidos e livre-docência em Ciências da Comunicação (1993) na Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA/USP). Coordenadora da Pós-graduação em Tecnologias da Inteligência e Design Digital, diretora do Centro de Investigação em Mídias Digitais (CIMID) e coordenadora do Centro de Estudos Peirceanos na PUC-SP. Presidente honorária da Federação Latino-Americana de Semiótica e membro executivo da Associación Mundial de Semiótica Massmediática y Comunicación Global, no México, desde 2004.

Saiba Mais

Cursos relacionados com inscrições abertas

Menu
Educação
Continuada
J.PUC-SP
Sou PUC