A Fundação São Paulo
Mantidas
Acesse os sites
Endereço:
Fundação São Paulo
Edifício Franco Montoro
Rua João Ramalho, 182
Perdizes - CEP: 05008-000
São Paulo - SP
(11) 3670-3333
fundacaosaopaulo@pucsp.br
Design: PUC-SP - DTI - Núcleo de Mídias Digitais


Uma Palavra de Agradecimento

Estamos terminando este primeiro semestre absolutamente atípico, histórico...ao longo dos anos muito se falará deste momento que estamos vivendo. Tivemos que nos repensar e nos redesenhar diante de uma realidade inesperada. Isto nos custou sacrifícios, tempo, mudanças na busca de uma nova forma de ser!

Por todo este esforço, gostaríamos de dirigir a nossa Comunidade uma palavra de reconhecimento e agradecimento.

Aos nossos discentes, alunas e alunos da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, PUC-SP, e do Centro Universitário Assunção, UNIFAI, que se empenharam nos estudos por meios digitais, transformando suas casas em salas de aulas e laboratórios, que com seus professores cumpriram o programa pedagógico do semestre e, desta forma, venceram mais um semestre da sua formação acadêmica. A vocês queremos agradecer! Muitos não dispunham de instrumentos para as atividades remotas. Por isso, distribuímos mais de 200 computadores com pacotes de dados, para que todos estivessem conectados. Preocupados, também, com a segurança alimentar dos estudantes bolsistas, criamos uma "bolsa alimentar, com a distribuição mensal de 900 cestas básicas, por três meses. Queremos agradecer, também, as suas famílias, que lhes apoiaram psicologicamente e materialmente, para que vocês pudessem cumprir o semestre! Muitos de vocês, são "calouros", primeiro anistas. A vocês, que não tiveram ainda a oportunidade de "sentir" a efervescência, o calor da vida acadêmica, lembramos: vocês ainda têm muitos semestres pela frente! Paulo Freire nos ensinou que não é só o aluno que aprende com o professor, mas o professor também aprende com o aluno. Vocês nos ensinaram muito neste semestre! No segundo semestre, queremos todos vocês conosco! Todos!!!

Aos nossos docentes, professoras e professoras, as nossas funcionárias e funcionários técnico e administrativos, também o nosso agradecimento!

Foram muitos os desafios, muitas as adaptações, mas vocês venceram! Foi necessário reinventar o ensino de qualidade, por meio de propostas remotas diversas, síncronas e assíncronas, fazendo com que o vínculo efetivo com a sala de aula a extrapolasse! Tão logo passe esta pandemia, voltaremos a nos encontrar, olhos nos olhos e voltaremos a experimentar a interação com nossos alunos, traçando com eles os caminhos do Saber e da Vida. Nossos técnicos garantiram o funcionamento da Instituição, em toda a sua diversidade de ações e na complexidade da sua natureza. O tele trabalho nos manteve próximos, mesmo distantes!
As nossas Reitorias, souberam com maestria, reger esta orquestra do Saber!

Uma palavra também muito carinhosa de agradecimento a nossa equipe do Hospital Universitário da Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde, o Santa Lucinda, em Sorocaba. Vocês estiveram na linha de frente da saúde!
Em cada paciente, em cada atendimento, médicos, enfermeiros, técnicos e o pessoal administrativo concretizaram o juramento de Hipócrates, fazendo o bem para todos os doentes, empregando todos os nossos recursos e o seu conhecimento em favor dos pacientes!

Estamos nos preparando e investindo nos nossos espaços para adaptá-los à nossa volta, no segundo semestre. Será uma volta gradual e segura! Vamos cumprir todas as determinações das autoridades sanitárias. Em breve nossas salas, nossos laboratórios estarão cheios novamente. Os campi tomados pelos estudantes. Voltarão as assembleias, os debates, os seminários, as bancas! Voltaremos a lutar, presencialmente, contra o racismo, contra todas as formas de discriminação e opressão, em favor da Democracia, o bem maior da nossa sociedade!

Ao terminar estes agradecimentos, gostaríamos de elevar nosso pensamento em prece ou homenagem, por todos aqueles que perderam suas vidas para esta pandemia. Queremos, também, nos solidarizar com seus familiares... a eles nosso abraço amoroso! Paulo escreveu: "Ainda que eu falasse a língua dos homens ou dos anjos, se não tivesse Amor, seria como o bronze que soa ou o címbalo que tine. Ainda que eu tivesse o dom da profecia, o conhecimento de todos os mistérios e de toda a ciência, ainda que tivesse toda a fé, se não tivesse o Amor eu nada seria. Ainda que distribuísse todos os meus bens aos famintos, ainda que entregasse meu corpo às chamas, se não tivesse o Amor, isso nada me adiantaria...O Amor é paciente, prestativo, não é invejoso, nem orgulhoso, não procura seu próprio interesse... O Amor tudo suporta, tudo crê e tudo espera!" (na primeira carta aos cristãos de Corinto, capítulo 13), Renato Russo, nosso poeta, acresceu a inspiração paulina: "Só o Amor conhece o que é a Verdade!"

Amor é Verdade! Binômio de boa Ciência!

Obrigado a todas!
Obrigado a todos!

30 de junho de 2020.
Secretaria Executiva da Fundação São Paulo

 

 

Textos Anteriores

09/05/2020

Centenário de São João Paulo II

09/05/2020

Ainda há esperança

11/04/2020

Lições do coronavírus

14/03/2020

Cultura Bipolar