Bibliografia - Paulo Freire:

    Entre outros objetivos, a Cátedra Paulo Freire deixará à disposição de professores, pesquisadores e demais interessados pela obra freireana, um acervo atualizado de todas as obras produzidas no Brasil e no mundo com a intenção de perenizar a memória do educador e servir de subsídio para novas pesquisas, práticas pedagógicas, políticas e sociais.

    Se você souber de alguma obra que deixamos de citar em nosso acervo ou de alguma nova obra lançada, por favor, entre em contato conosco para que a atualização seja providenciada.  


     


  •  1959.
  •  
  •  Educação e atualidade brasileira.Tese de concurso público para a cadeira de História e Filosofia da Educação de Belas Artes de Pernambuco. Recife, Universidade Federal do Recife, 139 p.  

 

 

    1967.


     Educação como prática da liberdade. Introdução de Francisco C.Weffort. Rio de Janeiro, Paz e Terra, (19 ed., 1989, 150 p).

     

     

    1970.

     Pedagogia do oprimido. New York: Herder and Herder, 1970 (manuscrito em Português de 1968). Publicado com Prefácio de Ernani Maria Fiori. Rio de Janeiro, Paz e Terra, 218 p., (23 ed., 1994, 184 p.). 

     

     

    livro006.jpg1976.

    Ação cultural para a liberdade e outros escritos. Tradução de Claudia Schilling, Buenos Aires: Tierra Nueva, 1975. Publicado também no Rio de Janeiro, Paz e terra, 149 p. (8. ed., 1987).

     

     

    livro008.jpg1976.

    Educación y cambio. Buenos Aires, Búsqueda-Celadec, 88 p. Em português, com o título: Educação e mudança. Prefácio de Moacir Gadotti e tradução de Lilian Lopes Martin. Rio de Janeiro, Paz e Terra, 1981, (16 ed., 1990), 79 p.

     

     

    livro005.jpg1977.

     Extensão ou Comunicação? Tradução de Rosisca Darcy de Oliveira. Prefácio de Jacques Chonchol. Rio de Janeiro, Paz e Terra,1977, 93 p., (11 ed., 2001, 93 p.)

     

     

    livro007.jpg1977.

    Cartas a Guiné-Bissau. Registros de uma experiência em processo. Rio de Janeiro, Paz e Terra, (4 ed., 1984), 173 p.

 

 

 

    livro28.JPG1981.

    Ideologia e educação: reflexões sobre a não neutralidade da educação. Rio de Janeiro, Paz e Terra

     

     

     

     

    livro009.jpg1982.

    A importância do ato de ler (em três artigos que se completam). Prefácio de Antonio Joaquim Severino. São Paulo, Cortez/ Autores Associados. (26. ed., 1991). 96 p. (Coleção polêmica do nosso tempo).

 

 

    livro010.jpg1982.

    Sobre educação (Diálogos), Vol. 1. Rio de Janeiro, Paz e Terra, ( 3 ed., 1984), 132 p. (Educação e comunicação, 9).

    •  

     

     

    livro28.JPG1983.

    •  
    • Educação popular. Lins-SP, Todos Irmãos. 38 p.

     

     

    livro24.jpg 1985.

  •  Essa escola chamada vida. Ática, 1985, 8 ed. 1994. Paulo Freire e Frei Beto.
  •  

     

 

    livro011.jpg1987.

    Aprendendo com a própria história. Rio de Janeiro, Paz e Terra, 168 p. (Educação e Comunicação; v.19).

 

 

    livro25.jpg 1987.

  •  
  •  Medo e ousadia.Paz e Terra, 1987, 5 ed., 1986. Paulo Freire e Ira Shor.  

 

 

    livro26.jpg 1989.

  •  
  •  Que fazer. teoria e prática em educação popular.Vozes, 1989. Paulo Freire e Adriano Nogueira.

 

 

    livro27.jpg 1990.

  •  
  •  Alfabetização - Leitura do mundo, leitura da palavra. Paz e Terra, 1990. Paulo Freire e Donaldo Macedo.
  •  

 

    livro012.jpg1991.

    A educação na cidade. São Paulo, Cortez, 144 p.

 

 

    livro013.jpg1992.

     Pedagogia da esperança: um reencontro com a Pedagogia do oprimido. Rio de Janeiro, Paz e Terra, (3 ed. 1994), 245 p.

     

     

    livro20.jpg1993.

    •  
    • Professora sim, tia não: cartas a quem ousa ensinar. São Paulo, Olho d'água. (6 ed. 1995), 127 p.

     

  

    livro015.jpg1993.

     Política e educação: ensaios. São Paulo, Cortez, 119 p.

     

     

    livro016.jpg1994.

     Cartas a Cristina. Prefácio de Adriano S. Nogueira; notas de Ana Maria Araújo Freire. São Paulo, Paz e Terra. 334 p.

     

     

    livro21.jpg1995.

    • À sombra desta mangueira. São Paulo, Olho d'água, 120 p.

 

 

    1997.

    • Pedagogia da autonomia. Rio de Janeiro, Paz e Terra.

     

 

    livro23.jpg2000.

    • Pedagogia da indignação - cartas pedagógicas e outros escritos. São Paulo, UNESP, 134 p.

     

     

 

  •  1961.
    • A propósito de uma administração. Recife, Imprensa Universitária, 90 p.
    • Livros de exercícios, n. 1, 2, 3. Recife, s.n.d.
    • Primeiro livro do monitor. Recife, s.n.d.

    1963.

    • Alfabetização e conscientização. Porto Alegre, Editora Emma.

    1968.

    • Educação e conscientização: extencionismo rural. Cuernavaca, México, CIDOC/Cuaderno 25, 320 p.
    • Contribuición al proceso de concientización del hombre en América Latina. ISAL (Suplemento de "Cristianismo y Sociedad", 2:1-20), Montevideu, 103 p.

    1969.

    • Extensión o comunicación? La concientización en el médio rural. Prefácio de Jacques Chonchol. Santiago, ICIRA, 109 p.
    • Educación para la concientización; Santiago del Chile, ICIRA.

    1970.

    • Cambio. Bogotá, Editorial América Latina, este livro é uma compilação de alguns artigos esparsos e mais a terceira parte da obra de Freire, Sobre la acción cultural.
    • The political literacy process - An Introduction. Lutherische Monatschefte, Hannover, Alemanha, 12p.
    • Witness to liberation. In: Seeing education Whole. Genebra, CMI, 126 p.

    1971.

    • Conscientisation: Recherche de Paulo Freire. Document de Travail. Paris, Editions d'Alsace, 8 p.

    1972.

    • Afirmative education. Englewood Cliffs, N.J., Prentice-Hall, 180 p.
    • Pendidikan kaum tertindas. Jakarta, LP3ES, 207 p.

    1973.

    • Teología negra y teología de la liberación. Prefácio a edição argentina da obra de James H.Cone, A black theology of liberation. Tradução de Manuel Mercador. Buenos Aires, Editorial Carlos Lolhe, 180 p. Também reproduzido: Cuadernos Latinoamericanos, Buenos Aires, 12:9-11, 1974; Fichas Latioamericanas, Buenos Aires, Tierra Nueva, 1(4):55-6, dezembro de 1974. Prefácio a edição argentina de A black theology of liberation. In: Paulo Freire. Ação cultural para a liberdade. p. 128-30. Este texto originou-se de um simpósio realizado em Genebra e intitulado "A Symposium on Black Theology and the Latin American Theology of Liberation", promovido pelo Conselho Mundial de Igrejas e com a colaboração de Hugo Assman, E.I. Bodipo-Malumba e James H. Cone.
    • Education for critical consciousness. Introdução de Denis Goulet e tradução de Myra Bergman Ramos, Louise Bigwood e Margaret Marshall. New York, Seabury Press, 164 p.
    • Educación liberadora: dimensión política; educación liberadora: dimensión sociológica; educación liberadora: dimensión metodológica. Bogotá, DEC-CIEC, 123 p.

    1974.

    • Teología negra y teologia de la liberación. Salamanca, Sigueme, Las iglesias, la educación y proceso de liberación humana en la historia, Buenos Aires (Argentina), Associación Editorial La Aura, 52 p.
    • Le forme dell'umanesino contemporaneo. Roma, Ed. Città Nuova, 170 p. Obra escrita em colaboração com Acquaviva, Althusser, Block, Binswanger, Bonhoeffer e outros.

    1975.

    • Diálogo: desescolarización, estruturas, liberaciones, cambio, educación. Buenos Aires, Busqueda-Celadec, 109 p. Atas do seminário "An invitation to conscientization and deshooling - A continuing conversation". Obra em co-autoria com Ivan IIIich.
    • Educación liberadora. Bilbao, Zero.
    • La desmistificacion de la concientización y otros escritos. Bogota: Editorial America Latina.

    1978.

    • Os cristãos e a libertação dos oprimidos. Lisboa, Edições BASE, 49 p.
    • Theologie aus der Praxis des Volkes: Neuere studien zum Lateinamerikan. Christentun u. zur Theologie d. Befreihung. Munchen.

    1979.

    • Questions to answer for Miss Smith. Genebra, Ecumenicak Press Service, s.n.p.
    • Consciência e história: a práxis educativa de Paulo Freire (antologia) São Paulo, Loyola.
    • Multinacionais e trabalhadores no Brasil. São Paulo, Brasiliense, 226 p.
    • Pedagogia in cammino. Milano, Mondadori.

    1980.

    • Quatro cartas aos animadores e às animadoras culturais. República de São Tomé e Príncipe. Ministério da Educação e Desportos, São Tomé.
    • Conscientização: teoria e prática da libertação; uma introdução ao pensamento de Paulo Freire. São Paulo, Moraes, 102 p.

    1981.

    • Der lehrer ist politiker und künstler. Hamburgo, Alemanha, Rowohlt Taschenbuch Verlag, 295 p.
    • Ideologia e educação: reflexões sobre a não neutralidade da educação. Rio de Janeiro, Paz e Terra.

    1982.

    • Educação popular. Lins-SP, Todos Irmãos. 38 p.

    1985.

    • The politics of education: culture, power and liberation. Introdução de Henry A. Giroux e tradução de Donaldo P.Macedo. Hadley, Mass., Bergin & Garvey, 209 p. Contos e casos populares de Luiz Roberto Alves (Org.).

    1990.

    • Pådagogik der Unterdrückten: Bildung als praxis der Freiheit. Stuttgart. Rowohlt, 1990. Irakurtzeko Egintzaren Garrantzia: elkar osatzen duten hiru idazkitan. Itzultzailea: Arantxa Ugartetxea, 81.
    • We make the road by walking: Conversations on education and social change. Philadelphia Temple University Press.
    • Conversando con educadores. Montevideo, Roca Viva.

    1991.

    • Paulo Freire en El Salvador. Comité Intergremial para la Alfabetización CIAZO. Série Educación n.. 1. El Salvador, Oct, 68 p.
    • L'Èducation dans la ville, Collection Theóries et pratiques de l'Èducation des Adultes. Èditions Paidea, Paris.

    1995.

    • Pedagogy of the city. New York, Continuum, 1993, 168p. Continuum, 1995, 240 p.

    Inicio da página.   Voltar Voltar