Comunicação das Artes do Corpo

Apresentação 

O curso de Comunicação das Artes do Corpo proporciona formação:

  • sintonizada com as tendências mais contemporâneas, caracterizadas pela pesquisa sobre linguagens artísticas – dança, teatro e performance;
  • inovadora, ao considerar que o corpo é fundamento da comunicação, e que dança, teatro e performance são fenômenos comunicacionais;
  • humanística, e socialmente engajada;
  • interdisciplinar, conectando saberes até então concebidos de forma isolada.

O curso forma artistas do corpo:

  • aptos para atuar profissionalmente, como criadores-intérpretes, em produções coreográficas, teatrais e performativas;
  • capacitados para a pesquisa da linguagem cênica;
  • capazes de desenvolver um pensamento crítico próximo dos processos de criação e produção artística, e embasar suas propostas em leituras críticas e criativas da realidade;
  • sintonizados com os movimentos culturais, discussões teóricas e demandas sociais emergentes;
  • em condições para explorar novas fronteiras de atuação, como divulgadores de um entendimento do corpo como mídia e de seus processos de comunicação com o ambiente;
  • aptos para colaborar na difusão das Artes do Corpo junto a instituições ligadas ao Terceiro Setor, inovando suas possíveis aplicações;
  • capazes para atuar em instituições culturais como comunicadores em funções de planejamento, produção, programação e curadoria em Artes do Corpo;  
  • em condições para participar da transformação dos protocolos mercadológicos vigentes.

O curso:

  • inaugurou um perfil até então inédito no ensino universitário, ao propor o cruzamento artes/comunicação para seu nicho epistemológico;
  • está organizado de modo a manter uma sintonia muito fina com as tendências de seu campo de atuação, de modo a fazer de si mesmo uma referência prioritária;
  • tem como objetivo atender à demanda por uma formação diferenciada no campo das artes, ao mesmo tempo abrangente e profunda;
  • elege a contaminação entre as linguagens artísticas, que caracteriza a produção contemporânea, para ser a moldura de sua proposta educacional;
  • estrutura-se para promover os trânsitos entre as três linhas de formação que oferece (dança, teatro e performance), aprofundando seus conteúdos nos projetos de conclusão do curso na formação específica escolhida;
  • primeiro e único curso universitário que oferece formação em performance;
  • ao longo de mais de 10 anos de existência, formou mais de 1000 artistas do corpo;
  • é ministrado por professores com qualificação acadêmica e artística de excelência;
  • favorece o contato do aluno com profissionais e pesquisadores, reconhecidos pelo mercado e meio acadêmico, através de atividades curriculares e extra-curriculares.
  • realiza Bancas de Aproveitamento de Habilidades e Competências, conforme legislação vigente, no sentido de abreviar a duração do curso para artistas profissionais, já inseridos no mercado.
Formas de Ingresso 
  • Processo seletivo por meio de exame vestibular aberto a candidatos que tenham concluído o ensino médio ou equivalente;
  • Processo seletivo específico para portadores de diploma de graduação, sob condição de existência de vagas abertas pela Faculdade, obedecendo ao calendário da Universidade;
  • Matrícula por transferência sob a condição de existência de vaga, obedecendo ao calendário da Universidade ;
  • Prouni, obedecendo ao calendário da Universidade;
  • Reopção de curso, aberta pela Faculdade, obedecendo ao calendário da Universidade.
 
Gestão 
As Faculdades são compostas por: Departamentos, Cursos de Graduação, Programas de  Pós-Graduação stricto sensu e lato sensu, Cursos e Atividades de Educação Continuada, Unidades Suplementares e Núcleos Extensionistas.

Compete à Câmara de Graduação:
I - desenvolver estudos que subsidiem o CEPE na elaboração ou alteração da política educacional da PUC-SP, a ser submetidos à apreciação e aprovação do CONSUN e CONSAD;
II - desenvolver estudos, no âmbito do ensino, de forma articulada com a Câmara de Pós-Graduação e Pesquisa, que subsidiem a elaboração dos Projetos Institucionais da PUC-SP, a ser submetidos à apreciação e aprovação do CEPE;
III - propor ao CEPE plano de implementação da política educacional e do desenvolvimento do ensino nas Faculdades, definindo as prioridades;
IV - propor ao CEPE as normas e as orientações técnicas para elaboração e tramitação de programas e projetos de ensino das Faculdades;
V - dar parecer sobre Projetos Pedagógicos de Cursos e propostas de alterações a serem submetidos à aprovação do CEPE;
VI - apreciar os relatórios das avaliações institucionais e de cursos;
VII - promover a auto-avaliação dos Cursos de Graduação das Faculdades, encaminhando ao CEPE relatórios;
VIII - promover estudos das demandas socio-ocupacionais e das transformações na esfera do conhecimento, orientando as Faculdades para a proposição de mudanças curriculares, ou de novas modalidades de Graduação;
IX - subsidiar e supervisionar o desenvolvimento dos Projetos Pedagógicos dos Cursos, zelando pela observância dos mesmos;
X - acompanhar a implementação de novos Projetos Pedagógicos de Cursos;
XI - subsidiar o CEPE nas políticas de extensão referentes à Graduação;
XII - emitir pareceres de mérito sobre projetos de extensão ligados à Graduação;
XIII - exercer outras atribuições previstas em normas ou decididas pelos Colegiados competentes e inerentes à natureza do órgão.   
Corpo Docente 

-  

Titulação:

Anos de Casa:

Tempo de Trabalho:

Disciplinas: Estágio obrigatório ii

Acessar Currículo Lattes

Alexandre Ferreira Dal Farra Martins  

Titulação:

Anos de Casa: 1 anos e 2 meses.

Tempo de Trabalho: 1 anos e 2 meses.

Disciplinas: Laboratório de dramaturgia

Acessar Currículo Lattes

Ana Cristina Echevenguá Teixeira  

Titulação: Doutor(a)

Anos de Casa: 4 anos e -1 meses.

Tempo de Trabalho: 4 anos e 11 meses.

Disciplinas: Composição coreográfica - questões contemporâneas
Elaboração de projetos em artes do corpo ii
Estágio obrigatório ii
Mercado cultural
Teorias da dança - as experiências indisciplinares

Acessar Currículo Lattes

Antonio Rogerio Toscano  

Titulação:

Anos de Casa: 10 anos e 11 meses.

Tempo de Trabalho: 10 anos e 11 meses.

Disciplinas: Performance e manifestações transculturais
Pesquisa teatral - partituras e composições
Projeto dramatúrgico ii
Teoria do teatro - crises da representação
Tópicos especiais de teatro - teatro contemporâneo

Acessar Currículo Lattes

Carlos Gardin  

Titulação:

Anos de Casa: 39 anos e 4 meses.

Tempo de Trabalho: 39 anos e 4 meses.

Disciplinas: Estágio obrigatório ii
Oficina interdisciplinar ii
Seminários avançados em artes do corpo ii

Acessar Currículo Lattes

Christine Greiner  

Titulação: Doutor(a)

Anos de Casa: 18 anos e 4 meses.

Tempo de Trabalho: 18 anos e 4 meses.

Disciplinas: Estágio obrigatório ii
Estudos da produção contemporânea

Acessar Currículo Lattes

Elaine da Graca de Paula Caramella  

Titulação:

Anos de Casa: 16 anos e 4 meses.

Tempo de Trabalho: 15 anos e 8 meses.

Disciplinas: Teorias críticas da comunicação

Acessar Currículo Lattes

Francisco Alberto Azevedo Medeiros  

Titulação:

Anos de Casa: 18 anos e 4 meses.

Tempo de Trabalho: 15 anos e 4 meses.

Disciplinas: Laboratório de criação - matrizes não dramáticas
Projeto de cena ii
Técnica do ator - corpo e texto

Acessar Currículo Lattes

Helena Tania Katz  

Titulação: Doutor(a)

Anos de Casa: 20 anos e 4 meses.

Tempo de Trabalho: 20 anos e 1 meses.

Disciplinas: Artes do corpo - as ações políticas nas performances corporais

Acessar Currículo Lattes

Lucila Romano Tragtenberg  

Titulação: Doutor(a)

Anos de Casa: 16 anos e 5 meses.

Tempo de Trabalho: 16 anos e 5 meses.

Disciplinas: Corpo e música - formas e linguagens musicais
Estágio obrigatório ii

Acessar Currículo Lattes

Maria Gabriela Carneiro Teixeira Pinto  

Titulação: Doutor(a)

Anos de Casa: 18 anos e 4 meses.

Tempo de Trabalho: 18 anos e 3 meses.

Disciplinas: Corpo e luz
Laboratório de criação - estratégias criativas

Acessar Currículo Lattes

Maria Zelia Bacellar Monteiro  

Titulação:

Anos de Casa: 16 anos e 11 meses.

Tempo de Trabalho: 13 anos e 5 meses.

Disciplinas: Tóp avançados em dança - desenv de vocabulários próprios

Acessar Currículo Lattes

Mauricio Ianes de Moraes  

Titulação:

Anos de Casa: 1 anos e 4 meses.

Tempo de Trabalho: 1 anos e 4 meses.

Disciplinas: Corpo e visagismo
Genealogia da performance
Performance e ativismo

Acessar Currículo Lattes

Neide Neves  

Titulação:

Anos de Casa: 18 anos e 4 meses.

Tempo de Trabalho: 18 anos e 4 meses.

Disciplinas: Estágio obrigatório ii
Estudos do corpo que dança - estratégias criativas
Preparação corporal ii

Acessar Currículo Lattes

Otavio do Nascimento  

Titulação:

Anos de Casa: 9 anos e 5 meses.

Tempo de Trabalho: 8 anos e 5 meses.

Disciplinas: Corpo e tecnoperformance

Acessar Currículo Lattes

Rosa Maria Hercoles  

Titulação: Doutor(a)

Anos de Casa: 17 anos e 5 meses.

Tempo de Trabalho: 17 anos e 5 meses.

Disciplinas: Estágio obrigatório ii
Fórum monográfico em artes do corpo ii
Preparação vocal ii

Acessar Currículo Lattes

Samira de Souza Brandao Borovik  

Titulação:

Anos de Casa: 14 anos e 11 meses.

Tempo de Trabalho: 11 anos e 11 meses.

Disciplinas: Estágio obrigatório ii
Projeto de cena ii
Treinamentos psicofisicos - rito e persona

Acessar Currículo Lattes

Sergio Roclaw Basbaum  

Titulação: Doutor(a)

Anos de Casa: 16 anos e 5 meses.

Tempo de Trabalho: 16 anos e 5 meses.

Disciplinas: Corpo na tecnologia

Acessar Currículo Lattes

Toshiyuki Tanaka  

Titulação:

Anos de Casa: 16 anos e 4 meses.

Tempo de Trabalho: 16 anos e 4 meses.

Disciplinas: Codificações corporais - visualidade

Acessar Currículo Lattes

Vera Maria Sala  

Titulação:

Anos de Casa: 18 anos e 4 meses.

Tempo de Trabalho: 17 anos e 11 meses.

Disciplinas: Labor de criação - desenvolv de vocabulários próprios
Oficina interdisciplinar ii

Acessar Currículo Lattes

Viviane Bagiotto Botton  

Titulação: Doutor(a)

Anos de Casa: 0 anos e 11 meses.

Tempo de Trabalho: 0 anos e 11 meses.

Disciplinas: Corpo na filosofia - estudos comparativos

Acessar Currículo Lattes

Wagner Lopes Sanchez  

Titulação: Doutor(a)

Anos de Casa: 15 anos e 3 meses.

Tempo de Trabalho: 15 anos e 3 meses.

Disciplinas: Introdução ao pensamento teológico ii

Acessar Currículo Lattes

Laboratórios 

 

O curso conta com uma estrutura de laboratórios de informática administrada pela Divisão de Tecnologia da Informação (DTI) da PUC-SP. Com um total de 31 laboratórios de informática, divididos entre os campi Marques de Paranaguá (8), Monte Alegre (19) , Santana (2), Barueri (1) e Sorocaba (1), todos conectados em rede à uma velocidade de 100Mps.

Esses mais de 1000 computadores integram os cerca de 2300 computadores da grande rede PUCSPNet, totalmente conectada à Internet, onde utilizamos um link principal de acesso com velocidade de 1Gbps.

Contamos ainda com uma política de licenciamento de software através de programas educacionais e parcerias com empresas como IBM (IBM Rational), Microsoft (MSDN Academic Alliance), CorelDraw, Adobe (Flash, Dreamweaver, InDesign, Photoshop, Director),  além de softwares específicos como Vue, Cinema 4D, SPSS, SolidWorks, entre outros.

 

Avaliação do aluno 
  • avaliação continuada, entendida como elemento norteador do processo educativo;
  • diversos elementos, programados, junto aos alunos, no início do semestre: 
  • ensaios críticos elaborados por escrito;
  • seminários;
  • provas escritas e orais;
  • participação ativa nos debates em sala de aula;
  • processos de auto-avaliação;
  • apresentações de estudos cênicos;
  • acompanhamento da produção artística profissional;
  • Nota mínima para aprovação em cada disciplina: 5,0 (cinco);
TCC 
  • TCC é obrigatório
  • apresenta duas modalidades: Montagem ou Monografia. A modalidade Montagem destina-se ao desenvolvimento de Projetos de Cena nas linhas de formação do curso (dança/teatro/performance); A modalidade Monografia destina-se ao desenvolvimento de trabalhos no formato acadêmico.
  • a Montagem objetiva a construção de meios singulares para implementar a pesquisa de linguagem em Artes do Corpo, através de estudos que favoreçam a transversalidade entre suas linhas de formação;
  • a Monografia visa a consolidação de estudos teórico-críticos acerca das interfaces das Artes do Corpo com outros saberes;
  • segue regulamentação própria
  • os resultados atingidos são apresentados publicamente, sua avaliação compreende um banca examinadora composta pelo orientador do TCC, um professor do curso e um convidado (com perfil artístico, acadêmico, curatorial etc).
  • a nota mínima para aprovação no TCC é 5,0 (calculada como a média entre as notas atribuídas pelos professores membros da banca).
Atividades de formação 
As atividades complementares têm como objetivo principal estreitar os vínculos entre ensino, pesquisa e extensão, criando oportunidades para que a formação do aluno não se dê apenas no âmbito da sala de aula.

Para ampliar a formação do aluno, o curso propõe uma série de estratégias:

1) Organização e/ou participação em eventos (debates, mesas, workshops, mostras, visitas a exposições, leituras dramáticas etc)

– Trata-se de atividades que ocorrem regularmente, no decorrer do curso. Muitas vezes, a própria dinâmica da sala de aula conecta-se com essas programações: discussões de espetáculos, visitas programadas a exposições, participação em eventos da área, etc. O próprio curso tem organizado debates abertos com artistas, alunos e público em geral, como o Encontro com as Artes do Corpo, iniciado este ano e realizado mensalmente, na Sala de Debates do TUCA, com professores do Curso e convidados, aberto ao público, para discutir questões relevantes da área.

2) Convênios com instituições, grupos e artistas – O curso já realizou atividades em parceria com a Fundação Japão, Instituto Goethe e outras instituições de renome, além de trazer artistas internacionais para ministrar workshops e realizar espetáculos com os alunos.

3) Semana das Artes do Corpo – No final do mês de junho as atividades de sala de aula passam para o  TUCA-ARENA, onde se realiza ampla mostra de trabalhos dos alunos do curso. O evento se intitula “Semana das Artes do Corpo”.

Essa ocasião tem sido fundamental para um diagnóstico do aproveitamento prático que os estudantes têm feito do curso, além de propiciar um nível maior de integração entre os corpos docente e discente. A Semana das Artes do Corpo integra as atividades complementares do Curso.

4) Estágios Externos (não-obrigatórios) – Considerados como atividade complementar, não são obrigatórios, embora sejam estimulados e alvo de grande procura tanto por parte dos alunos como de instituições.

O SESC, as Secretarias de Cultura do Estado e do Município, Organizações não Governamentais além de Companhias de Teatro e Dança Nacionais e Internacionais vêm demonstrando interesse crescente por nossos alunos, justamente pela formação diferenciada que possuem.
 
5) Parcerias com a TV PUC – o curso participa eventualmente da programação da TV PUC, pela própria natureza de suas atividades, e pela iniciativa de grupos de alunos e professores.
Estágio curricular 
O estágio obrigatório, necessário à obtenção do certificado de conclusão, ocorre juntamente com a realização do TCC. Relaciona-se com atividades voltadas para a produção de conhecimento em Artes do Corpo, envolvendo o estudo e a pesquisa necessários ao desenvolvimento de trabalhos acadêmicos ou artísticos, ambos de natureza teórico-prática. O estágio, previsto na matriz curricular do curso, perfaz um total de 136 horas.
Grade Curricular 
Campus Monte Alegre
Selecione o período:
Mensalidades 
A Universidade adota o Regime Financeiro semestral ou anual de cobrança, de acordo com o Projeto Pedagógico do curso, sendo a semestralidade ou anuidade paga em até 06 (seis) ou em até 12 (doze) parcelas mensais sucessivas, conforme o caso.
 
O cálculo das mensalidades é feito com base em todas as atividades (disciplinas e outros componentes curriculares) relativas a cada período letivo do curso, de acordo com seu Projeto Pedagógico.

Valor da mensalidade
O Edital de Mensalidades é publicado nos quadros de aviso da Universidade e os valores de cada curso são calculados com base nas atividades pedagógicas previstas.

Aproveitamento de Estudos
O estudante que ingressar através do processo de Transferência ou pelo processo de Portador de Diploma e tiver aproveitamento de estudos e/ou adaptação curricular, realizará a matricula nas atividades pedagógicas de acordo com o plano de estudos elaborado pela coordenação do curso.

Reajustes de mensalidades
Os valores das mensalidades estão sujeitos aos reajustes conforme Contrato de Prestação de Serviços Educacionais.

Data do vencimento
A data de vencimento de cada mensalidade ocorrerá sempre no dia 5 (cinco) de cada mês.

Pagamento
Os pagamentos efetuados até o dia 1º do mês serão - por mera liberalidade - objetos de um desconto por antecipação, conforme discriminado no boleto. Este desconto pode ser suspenso sem prévio aviso.
Reconhecimento 

Ato inicial autorizativo:
Deliberação do CONSUN nº03/98 - 11/01/1999
Reconhecimento:
Portaria MEC nº 1.253 - 25/04/2002 – D.O.U. em 26/04/2002, pág. 29
Renovação de reconhecimento:
Portaria 986 – 05/05/2006 – D.O.U. em 08/05/2006, pág. 

Duração 
Duração mínima:
4 anos (8 semestres)
Duração máxima:
7 anos (14 semestres)
Avaliação do curso 
Sistema de Avaliação do PPC:

A autoavaliação do curso tem como propósito o aprimoramento de seu Projeto Pedagógico (PPC).  Trata-se de um processo contínuo que, por meio de diferentes fontes de informação, analisa a coerência e a efetividade entre princípios da proposta pedagógica e sua dinâmica de funcionamento.

Sua realização está a cargo do Núcleo Docente Estruturante (NDE) e da Coordenação Didática do Curso e envolve diferentes parcerias da universidade que, direta ou indiretamente, contribuem para a qualidade da formação dos alunos, especialmente os departamentos.

Por meio da autoavaliação, esses colegiados monitoram a implantação do PPC, dialogando com as demandas advindas do cotidiano e com as informações construídas por meio de escutas periódicas.

Para tanto são utilizados instrumentos específicos:
a) avaliação contínua do aluno;
b) avaliação das condições de ensino (infraestrutura, equipamentos e gestão acadêmico-administrativa)
c) avaliação dos aspectos didático-pedagógicos do corpo docente, realizada por meio da autoavaliação do professor e da docência pelo aluno.

Esse processo articula-se internamente à Autoavaliação Institucional, coordenada pela Comissão Própria de Avaliação (CPA), situando o curso no contexto da Universidade, e externamente, com o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (SINAES). Essa articulação externa leva em conta os resultados do Enade, as Avaliações in loco e os indicadores de qualidade do MEC, como o Conceito Preliminar de Curso (CPC).
Competência e habilidades 

O aluno do curso de Comunicação das Artes do Corpo deverá ser capaz de:

  • pesquisar novos procedimentos cênicos e investigar novas abordagens teórico-práticas sobre o corpo, pela constante revisão e atualização dos conhecimentos adquiridos;
  • formular questões, propor métodos de investigação e solucionar problemas relativos aos processos comunicacionais implementados nas linguagens corporais, refletindo criticamente sobre o campo no qual se inserem suas atividades profissionais;
  • conhecer as tendências artísticas e mercadológicas relativas às artes do corpo, contribuindo com novas formulações conceituais pela articulação de diferentes saberes;
  • estabelecer relações entre os conceitos específicos da área artística com outras áreas do conhecimento;
  • propor reflexões críticas nas áreas da dança, teatro e performance, pelo desenvolvimento de pesquisa teórico-crítica sobre o corpo;
  • elaborar e desenvolver projetos teórico-práticos na área das Artes do Corpo, explorando as fronteiras entre dança, teatro e performance;
  • explorar novas possibilidades de atuação nos campos: artístico, cultural e comunicacional;
  • diagnosticar, discutir e transformar a imagem das Artes do Corpo nas diferentes mídias, pelo domínio de conteúdos históricos, teórico-práticos e comunicacionais das linguagens artísticas estudadas.
Áreas de atuação 

O curso forma o Bacharel em Comunicação das Artes do Corpo apto para atuar:

  • como criador-intérprete e dramaturgista em produções cênicas, coreográficas, teatrais, performáticas, além de outros tipos de intervenções artísticas;
  • na produção e programação cultural, e como curador das Artes do Corpo;
  • como pesquisador e, seguindo carreira acadêmica, como docente no ensino superior.
Vagas turnos e campi 
Histórico 
A criação do curso Comunicação das Artes do Corpo inaugurou um perfil até então inédito no ensino universitário ao propor o cruzamento artes/comunicação para seu nicho epistemológico. Desde sua concepção, o curso tinha como objetivo atender à demanda por uma formação diferenciada no campo das artes, ao mesmo tempo abrangente e profunda. Por isso, elegeu a contaminação entre as linguagens artísticas, que caracteriza a produção contemporânea, para ser a moldura de sua proposta educacional.

A presença da palavra “comunicação” no título do curso indica a importância dos estudos do corpo e de seus processos comunicacionais como ponto de partida para a pesquisa das linguagens artísticas. O curso por seu ineditismo e estruturado num perfil voltado para o estudo das artes do corpo e da comunicação do corpo, não encontrou pares institucionais que pudessem funcionar como canais balizadores de seu projeto. Assumiu, então, a tarefa de desenvolver mecanismos próprios que o capacitassem a manter uma sintonia muito fina com as tendências de seu campo de atuação, de modo a fazer de si mesmo uma referência prioritária.

O atual projeto nasceu das avaliações continuadas empreendidas pelos corpos docente e discente, e prioriza um foco ainda mais afinado com as transformações em curso na pesquisa, na produção de conhecimento e no mercado das Artes do Corpo. Partindo da idéia de que teoria e prática são dimensões indissociáveis, o atual Projeto Pedagógico articula disciplinas em torno dos eixos estruturantes do curso.
Objetivos 
O curso proporcionará condições para que o estudante seja capaz de formular questões, propor métodos de investigação e solucionar problemas relativos aos processos comunicacionais implementados nas linguagens corporais, refletindo criticamente sobre o campo no qual se inserem suas atividades profissionais.
Grau 
Bacharelado
Regime de matrícula 
Semestre
Campus 
Campus Perdizes
Modalidade 
Presencial
Coordenação 
  • Coordenadora:
    Profa. Maria Gabriela Carneiro Teixeira Pinto Imparato
    E-mail: gaby@pucsp.br

  • Vice-coordenadora:
    Profa. Lucila Romano Tragtenberg
    E-mail: tragtenberg@pucsp.br

Contato 

Faculdade de Filosofia, Comunicação, Letras e Artes - FAFICLA Campus Perdizes
Endereço: Rua Monte Alegre, 984 – Perdizes – Sala T-38
Contato: 3670-8217 e 3670-8506 (Todos os Cursos)

Situação 
Matrículas encerradas
ID Curso Totvs 
654
ID Filial Totvs 
1
Matriz Curricular 
Última atualização: 23/7/2017

Conecte-se à PUC-SP